terça-feira, 12 de março de 2013

Nova espécie

Contribuição do meu amigo Alecsandro (pronto! Arrumei), quiroprático nas horas vagas.
"Os indivíduos da nova espécie que está surgindo são conhecidos como Homo sapiens semi-erectus imprestabilis  e surgiram por involução natural descendente, a partir de indivíduos Homo Quase Sapiens que passaram a assumir constante postura encurvada, fala incompreensível, mastigação contínua de chicletes, audição constante de músicas de péssimo gosto em volume semi-letal e movimentos espasmódicos de extremidades superiores que, segundo recentes pesquisas científicas, acarretam o surgimento de pernas mais curtas e um único e repugnante modo de caminhar sempre com as pernas abertas e arrastando os pés. Comprovou-se que esta marcha peculiar, também conhecida como "arrasta-forquilha", afeta seriamente as funções cerebrais, se é que a nova espécie as tem. Por isso, nunca espere desses indivíduos qualquer contato com os olhos ou comunicação verbal inteligente. Além disso, a observação demonstra que a maioria absoluta dos indivíduos desta nova espécie recebe cesta-básica, vale-transporte, vale-refeição, bolsa-família, bolsa-escola, salário-desemprego e toda espécie possível de ajuda do governo que também involui e, o pior de tudo, infelizmente, são muito férteis! Reproduzem como ratos! Além disso, possuem veículos velhos e imprestáveis que pouco valem, mas com instalações sonoras caríssimas para reprodução de raps, axé, funk/pancadão de estourar os tímpanos de toda vizinhança".
E é na mão disso que está o futuro dessa joça...

 

  

3 comentários:

  1. Concordo, é uma geração perdida.

    ResponderExcluir
  2. Além de escrever meu nome errado ainda me vem com essa de quiroprático.... vou fazer uma massagem especial na sua bunda quando lhe encontrar, primo do Elói!!! kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk. Mas não é mesmo?????
      Pô, primo do Elói foi de foder...rsrsrsrs
      Abraço!

      Excluir